You are here
Home > Trabalho/Emprego > McDonald’s e Ministério Público do Trabalho unidos contra trabalho infantil

McDonald’s e Ministério Público do Trabalho unidos contra trabalho infantil

Paulo Camargo e Ronaldo Lira.

Em comemoração ao Dia Internacional Contra o Trabalho Infantil, celebrado no próximo dia 12, o McDonald’s anuncia – pelo segundo ano consecutivo o apoio à campanha ‘Chega de Trabalho Infantil’, liderada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). Reconhecida como uma das maiores geradoras do primeiro emprego para jovens, a empresa utilizará sua grande capilaridade nacional e força de comunicação para ampliar a campanha #Chegadetrabalhoinfantil, gerando maior conscientização e mobilização sobre a questão.

“Mais uma vez vamos reforçar o nosso compromisso por um Brasil mais solidário e justo. Faz parte do DNA da companhia lutar por causas tão importantes e genuínas. E nada melhor do aproveitar nosso relacionamento diário com cerca de 2 milhões de clientes em nossos restaurantes e outras dezenas de milhões de pessoas em nossos meios digitais para disseminar a discussão do tema na sociedade. Certamente fará uma grande diferença”, destaca Paulo Camargo, presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados, franquia que opera a marca McDonald’s no Brasil e em outros 19 países da América Latina.

O procurador Ronaldo Lira, representante do MPT e vice-coordenador nacional da Coordinfância (Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente), que trata especificamente da erradicação do trabalho infantil e da regularização do trabalhador adolescente, reforça a importância de ter a companhia novamente como parceira. “O McDonald´s é um parceiro valioso nessa causa, pois possui grande apelo junto aos jovens e suas famílias. Esperamos que, por meio do trabalho conjunto, a mensagem de combate ao trabalho infantil chegue nos quatro cantos do país e gere conscientização na sociedade”, conclui.

Trabalho infantil no Brasil

• 2,7 milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos trabalham no Brasil (32% em atividades agrícolas)

• 2 milhões entre 14 e 17 anos

• 854 mil crianças e adolescentes que trabalham estão concentradas na região Sudeste do Brasil

• 2 em cada 3 crianças em situação de trabalho infantil são do sexo masculino

• 94% do trabalho infantil doméstico é realizado por meninas

Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
http://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top