You are here
Home > Negócios > Mastercard anuncia esforços para aumentar a segurança dos pagamentos online na América Latina e no Caribe

Mastercard anuncia esforços para aumentar a segurança dos pagamentos online na América Latina e no Caribe

A Mastercard anunciou nesta terça-feira (8) que ampliará seus esforços para aumentar o número de bancos, varejistas e parceiros que utilizam iniciativas e serviços de segurança na América Latina e no Caribe para aprimorar a segurança dos pagamentos online e melhorar a experiência do consumidor. Isso ocorre num momento crucial para a América Latina e o Caribe (LAC), à medida que o comércio eletrônico vem ganhando tração e deve se tornar a norma em breve. A demanda por e-commerce na América Latine e Caribe (LAC) cresceu de 126 milhões de pessoas em 2016 para 156 milhões em 2019, com vendas online acompanhando o ritmo de crescimento, indo de US$ 40 bilhões em 2016 para US$ 80 bilhões em 2019. Esse fato deve aumentar sem sombra de dúvidas a expectativa em relação a experiências de pagamento online perfeitas, com segurança e conveniência inquestionáveis.

Para acelerar a adoção de tecnologias de ponta necessárias para garantir a segurança do ambiente de comércio eletrônico, foi criada uma Abordagem de Segurança Digital (Digital Security Roadmap) que oferecerá um conjunto de iniciativas, diretrizes e ferramentas para bancos e varejistas em LAC aprimorarem suas soluções de segurança. A colaboração na indústria se dará por meio de parcerias com governos e reguladores, oficinas educacionais com bancos e e-commerce e a introdução de tecnologias e serviços de ponta relacionados à segurança online.

Segundo Jeff Wilson, vice-presidente executivo de serviços da Mastercard, “conforme o e-commerce cresce na região, queremos passar da segurança online defensiva para a ofensiva, promovendo a adoção das mais recentes tecnologias, ajudando a reduzir níveis de fraude e, assim, garantir a melhor experiência para o consumidor”.

De acordo com Wilson a abordagem se concentrará principalmente na aceleração da adoção de tecnologias de autenticação e tokenização já em 2019. Essas tecnologias de autenticação, em linha com o padrão da indústria (3DS EMV), já presentes em vários emissores e varejistas no Brasil, permitem aos estabelecimentos comerciais e bancos saberem se os compradores online são quem eles dizem ser. Uma das novas tecnologias em autenticação que a Mastercard disponibiliza para os bancos é um serviço de detecção de fraude e decisão baseado em inteligência artificial. A solução (chamada de Decision Intelligence) foi criada para medir o nível de risco de uma transação e ajudar os bancos a melhorarem a precisão de confirmações de pagamento.

Outra solução, já presente em clientes Mastercard no Brasil, permite que os consumidores não precisem fazer nada quando o cartão expirar. A Mastercard envia com segurança as informações atualizadas do novo cartão aos seus estabelecimentos comerciais de preferência (o chamado Automatic Billing Updater), e, se solicitado pelo consumidor, bloqueará essas transações se elas não forem mais relevantes.

Considerando o crescimento das compras online, a tokenização dinâmica também é essencial para os estabelecimentos comerciais que armazenam as informações dos cartões dos consumidores em seus sistemas online. A tecnologia de tokenização pode ajudá-los a proteger esses dados pessoais, substituindo-os por um número alternativo (o token), que é um conjunto de 16 dígitos que emula o número real do cartão e pode ser usado apenas uma vez. No caso de vazamento de dados, fraudadores só teriam acesso ao token em vez das informações de pagamento do consumidor, reduzindo a probabilidade de fraude.

“Estamos empolgados em implementar e promover nosso abordagem de segurança digital em LAC, em parceria com nossos parceiros. Pelo fato de contarmos com uma gama de soluções para o moderno cenário de pagamentos, estamos numa posição ideal para continuar proporcionando experiências de pagamento perfeitas para os nossos consumidores, tanto off-line quanto online, além de continuar inovando com os mais altos níveis de segurança “, completou Jeff Wilson.

Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
http://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top