Vendas do varejo paranaense crescem 0,59% no acumulado até novembro

O varejo paranaense apresentou alta de 0,59% nas vendas no acumulado de janeiro a novembro do ano passado. Os dados são da Pesquisa Conjuntural da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR) e indicam que 2017 foi um ano de recuperação do comércio do Estado após dois anos consecutivos de queda. Em 2016 o comércio encolheu 3,08% e em 2015 houve redução de 8,79%. O faturamento em novembro do ano passado também foi 3,85% superior a outubro e 3,04% maior do que em novembro de 2016.

Os setores responsáveis pelos bons resultados estaduais foram as lojas de móveis, decorações e utilidades domésticas, com aumento de 28,72% no período de janeiro a novembro, e as concessionárias de veículos, que estão, aos poucos, retomando o ritmo de vendas e tiveram acréscimo de 4,89% no acumulado parcial de 2017.

Continue lendo “Vendas do varejo paranaense crescem 0,59% no acumulado até novembro”

Sesc Paraná celebra 70 anos com mais de 800 milhões de atendimentos no Estado

Sesc da Esquina em Curitiba.

Com o tema “A história do Sesc é sua também”, o Serviço Social do Comércio do Paraná – Sesc comemora neste dia 10 de janeiro seus 70 anos, com um saldo superior a 800 milhões de atendimentos à população paranaense ao longo do período. Com 38 unidades fixas e seis unidades móveis, o Sesc mantém programas e promoções nas áreas da Educação, Saúde, Cultura, Esporte, Lazer e Ação Social.

Com seus serviços, desde 1948 o Sesc faz parte da vida dos paranaenses representados por comerciários, empresários do comércio e população em geral, especialmente a mais carente. Quando foi fundado no Paraná, o Estado ainda passava pelo seu processo de colonização. Na década seguinte o sistema agrícola baseado na produção do café chegaria ao auge. “De lá para cá, nessas sete décadas, seria quase imensurável cercar as mudanças ocorridas no mundo, aí incluídos o Brasil e o Paraná. Nossa agricultura foi se mecanizando e grandes contingentes populacionais foram se transferindo para as cidades, ampliando a presença e a importância do comércio como locomotiva da economia; comércio que foi se segmentando de modo a atender a novas e específicas demandas”, pondera o diretor regional do Sesc PR, Emerson Sextos.

Continue lendo “Sesc Paraná celebra 70 anos com mais de 800 milhões de atendimentos no Estado”

Levantamento aponta bom desempenho do e-commerce nas compras de final de ano

Gustavo Avelar, diretor de e-commerce na Linx.

Com o sucesso da última Black Friday no Brasil, muito se especulou sobre uma possível queda de vendas no Natal. Entretanto, dados da Linx+Neemu+Chaordic, líder em personalização para e-commerce na América Latina, mostram que as lojas virtuais apresentaram bom desempenho nas compras de final de ano, especialmente no segmento de moda.

Para chegar nos indicadores, a Linx analisou a performance de grandes varejistas do segmento de moda no Brasil. Ao final do estudo, que compreende o período entre 4 e 24 de dezembro, a conclusão foi que as visitas ao comércio eletrônico tiveram um aumento de 14% em relação ao ano passado. Quanto às vendas, houve crescimento de 20% neste mercado. “Como nosso negócio está diretamente ligado a engajamento e conversão, percebemos que grandes varejistas que fazem parte da nossa base de clientes apresentaram bons resultados, apesar de haver uma expectativa mais baixa para este final de ano”, comenta Gustavo Avelar, diretor de e-commerce na Linx. “Constatamos ainda que as pessoas estão preferindo comprar roupas e calçados”, explica.

Continue lendo “Levantamento aponta bom desempenho do e-commerce nas compras de final de ano”

Vendas para o Natal devem crescer 4,2%

Dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) mostram que em 2017 as vendas do comércio para o natal deverão crescer 4,2% quando comparadas ao mesmo período de 2016. Caso consolidada, de acordo com estimativas da FecomercioSP, o faturamento do varejo deverá ser R$ 1,9 bilhão superior ao registrado no mesmo período de 2016.

O aumento do ritmo de crescimento das vendas do Natal em 2017 segue a tendência das demais datas comemorativas deste ano, que em praticamente todas ocasiões apresentaram aumento das vendas quando comparadas ao ano anterior. Com isso, as estimativas mostram a maior variação desde 2010, quando as vendas foram positivas em 11,3%, além de voltar a apresentar números positivos após dois anos de retração.

Consumidor deve gastar mais neste Natal, mas abaixo do nível de 2014

Roupa é o presente preferido para o Natal 2017.

O consumidor continua recuperando o ânimo para gastar, mas ainda abaixo do nível de três anos atrás. Foi o que apontou a pesquisa da Sondagem do Consumidor, feita pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) para este Natal. Dos 1869 entrevistados, 46,8%, em média, declararam estar dispostos a desembolsar o mesmo que em 2016. O percentual é quase similar ao de pessoas que pretendem gastar menos (46,5%). Apenas 6,7% afirmaram que comprariam em 2017 mais do que ano passado.

O Indicador de Intenção de Compras de Natal, calculado com base nas respostas favoráveis e desfavoráveis, subiu de 47,7 pontos, em 2016, para 60,3 pontos, este ano. “O resultado mostra uma recuperação no ímpeto de compra dos consumidores maior do que nos dois últimos anos para todas as faixas de renda, mas ainda menor do que em 2014”, analisou Viviane Seda, coordenadora da Sondagem do Consumidor do FGV IBRE e responsável pela pesquisa.

Continue lendo “Consumidor deve gastar mais neste Natal, mas abaixo do nível de 2014”