Você sabe quem são os diplomatas? Conheça uma das carreiras públicas com o exame mais exigente do país

Renato Saraiva: As carreiras do Itamaraty exigem dos interessados disciplina e dedicação. 

O diplomata é o servidor público que representa o Brasil perante outras nações, mas você sabe qual é o perfil desse profissional? Para atuar como diplomata é preciso ser aprovado em um dos concursos mais difíceis do país, já que requer um preparo multidisciplinar (conhecimentos em matérias como história, geografia, economia, entre outras) e domínio em pelo menos três idiomas além da língua materna. Com a presença de candidatos de todo o país, a prova que é aplicada anualmente registrou quase 6 mil inscritos em 2017 e, para este ano, tem a expectativa de selecionar 30 candidatos ao cargo – o edital ainda não foi divulgado.

Para o presidente do Grupo CERS, Renato Saraiva, o perfil cada vez mais heterogêneo (homens e mulheres de diversas regiões do Brasil, com graduação completa e faixa etária média de 30 anos) dos candidatos e a natureza meritocrática do concurso o transformam em uma das provas mais concorridas do país. “As carreiras do Itamaraty exigem dos interessados disciplina e dedicação do começo ao fim, já que para a prova o candidato precisa se preparar em diversas áreas e no exercício da profissão sua dedicação e êxito poderão leva-lo ao cargo de embaixador”, avalia.

Continue lendo “Você sabe quem são os diplomatas? Conheça uma das carreiras públicas com o exame mais exigente do país”

13% dos assalariados do Paraná trabalham em empresas de alto crescimento

Dados da CEMPRE/IBGE dão conta de que 13% dos assalariados paranaenses trabalham em empresas de Alto Crescimento (EACs). A mesma pesquisa, divulgada em 2017, ainda aponta que a região Sul é a segunda do Brasil que mais concentram EACs, com 19,7% do total existente no Brasil, ficando atrás somente do Sudeste com 47,7%. As empresas consideradas de alto crescimento são classificadas assim quando apresentam aumento médio do pessoal ocupado assalariado de pelo menos 20% ao ano por um período de três anos.

Apesar de representarem 1% das empresas ativas brasileiras, as EACs são as que mais empregam no País, com 67,7% dos brasileiros, pagando cerca de R$90,4 bilhões em salários e outras remunerações. A ROIT Contabilidade é um exemplo de empresa de crescimento acelerado do setor que mais concentra negócios deste nicho: o de serviços com 33%.

Continue lendo “13% dos assalariados do Paraná trabalham em empresas de alto crescimento”

Sites de recrutamento são mais eficazes na busca por estágio do que indicação profissional

Lidar com a alta concorrência nos processos seletivos para vagas de estágio é uma realidade que os jovens têm enfrentado nos últimos anos – de acordo com números do setor, desde 2014 o total de inscritos para esses postos cresceu mais de 20%. E, como essa tem sido a principal aposta do público para fugir do desemprego, resta aos estudantes encarar a exigência dos recrutadores ou correr atrás de uma boa recomendação profissional, o que, em tese, facilitaria a conquista do estágio, certo? Não exatamente – de acordo com um levantamento feito pela Companhia de Estágios – consultoria e assessoria especializada em programas de estágio e trainee, o caminho mais qualificado e eficiente até a vaga é o recrutamento online.

A pesquisa “O Perfil do candidato a vagas de estágio em 2018”, identificou que a maioria dos jovens em atividade conquistou o posto por meio sites especializados, ou seja, empresas que divulgam as vagas online e, por meio do cadastro do candidato, fazem a triagem do perfil, convocação e, posteriormente, entrevistas e testes presenciais com os selecionados.

Continue lendo “Sites de recrutamento são mais eficazes na busca por estágio do que indicação profissional”

Seis sinais de que uma oferta de emprego é falsa

De acordo com o IBGE, o número de desempregados no Brasil no primeiro trimestre de 2018 foi de 13,7 milhões. É possível que boa parte dessas pessoas esteja diariamente enviando currículos online e atenta a qualquer oportunidade que possa surgir. Sabendo disso, muitos cibercriminosos aproveitam para produzir novos golpes que envolvem falsas ofertas de trabalho.

As vagas falsas que chegam por e-mail ou por mensagens no celular, podem ser, na realidade, tentativas de phishing, uma maneira desonesta que os cibercriminosos utilizam para induzir as pessoas a revelar dados sigilosos voluntariamente; ou uma tentativa de instalar um vírus malicioso no dispositivo. Sabendo disso, a ESET, empresa líder em detecção proativa de ameaças, analisou os sinais de perigo que podem ser encontrados em alguns golpes que circulam nas redes.

Continue lendo “Seis sinais de que uma oferta de emprego é falsa”

Pesquisa mostra que 82% dos profissionais avaliam os funcionários da empresa, antes de aceitarem proposta

Segundo uma pesquisa feita pela Love Mondays, entre dezembro de 2017 e janeiro de 2018, com 1.000 profissionais, 82% dos profissionais avalia os funcionários da empresa, antes de aceitar uma nova proposta de trabalho. Sobre quais informações são úteis na hora de avaliar uma empresa, a maioria falou sobre avaliações dos funcionários (82%), informações sobre benefícios e salários (72%), cultura, missão, visão e valores da empresa (63%), e fotos e vídeos que mostram o ambiente de trabalho (35%).

Uma outra pesquisa, realizada pela Randstad, empresa de soluções em recursos humanos, elencou as razões que fazem o trabalhador permanecer na corporação. Novamente, em primeiro lugar, o ambiente de trabalho esteve no topo da lista – com 39% dos entrevistados.

Continue lendo “Pesquisa mostra que 82% dos profissionais avaliam os funcionários da empresa, antes de aceitarem proposta”