Concessionárias investem 122% a mais por km do que a gestão federal

A diferença discrepante entre investimento público e privado nas rodovias brasileiras é um dos pontos identificados pelo estudo Transporte Rodoviário – Desempenho do Setor, Infraestrutura e Investimentos, divulgado esta semana pela CNT. O estudo avaliou os investimentos entre os anos de 2004 e 2016 e mostrou que os recursos privados, por quilômetro, representam mais do que o dobro dos públicos.

Em 2013, as concessionárias brasileiras investiram, por quilômetro, o maior montante no período: R$ 447,00 mil. Em 2016, houve redução para R$ 354,46 mil. Ainda assim, o valor é 122,1% maior do que o recebido pelas rodovias federais geridas pela União em 2016: R$ 159,60 mil por km.  “Esse é um bom parâmetro de comparação. Esse investimento das concessionárias faz com que o nível de qualidade seja significativamente superior ao das rodovias mantidas pelo poder público”, afirma o diretor-executivo da CNT, Bruno Batista. Na edição de 2016 da Pesquisa CNT de Rodovias, a extensão concessionada com estado geral classificado como ótimo ou bom foi de 78,7%. Nas federais sob gestão pública, foi de 42,7%.
Continue lendo “Concessionárias investem 122% a mais por km do que a gestão federal”

Vendas de produtos siderúrgicos ao mercado brasileiro apresentam queda de 1,3% nos sete primeiros meses do ano

De janeiro a julho, as vendas internas de aço somaram 9,5 milhões de toneladas.

A produção de aço bruto foi de 19,6 milhões de toneladas no acumulado nos sete primeiros meses de 2017, o que equivale a um aumento de 10,6% quando comparado com o ocorrido no mesmo período de 2016. Importante ressaltar que a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) iniciou suas operações no segundo semestre do ano passado. Dessa forma, ao analisar a variação dos indicadores de 2017 e comparar com os respectivos períodos do ano anterior, quando a CSP não estava no mercado, há superestimação das variações positivas nos dados de produção de aço bruto e semiacabados. A partir do segundo semestre de 2017 essas distorções irão se reduzir um pouco a cada mês.

A produção de laminados foi de 12,8 milhões de toneladas de janeiro a julho, um acréscimo de 5,4% frente ao acumulado nos mesmos meses de 2016. Em 2017, as vendas internas somaram 9,5 milhões de toneladas no acumulado até julho, o que equivale a uma queda de 1,3% em relação ao mesmo período de 2016. O consumo aparente nacional de produtos siderúrgicos foi de 10,9 milhões de toneladas de janeiro a julho de 2017. Comparando com o mesmo período do ano anterior, o crescimento foi de 3,7%.

Continue lendo “Vendas de produtos siderúrgicos ao mercado brasileiro apresentam queda de 1,3% nos sete primeiros meses do ano”

Pátio Batel Fashion Walk movimenta corretores do shopping em Curitiba

A quarta edição do Pátio Batel Fashion Walk volta a movimentar os corredores do shopping nos dias 22 e 23 de agosto com várias novidades. Além da presença de Silvia Rogar, Barbara Migliori, Donata Meirelles e Camila Garcia, os jornalistas Bruno Astuto, colunista da publicação, e Luiza Souza, editora de beleza, vão reforçar o time da Revista Vogue Brasil, ampliando o leque de assuntos e abordando novos temas como moda masculina e beleza. Na passarela as tendências de Primavera/Verão 2017-2018 ganham ainda mais peso. Nesta edição 100% das lojas internacionais do shopping irão participar, inclusive Dolce & Gabbana e Valentino, que entram na programação pela primeira vez.

A última edição do PBFW comprovou a consolidação do evento na agenda de moda do Sul com um público de mais de 7 mil pessoas e um crescimento de 50% no fluxo do shopping. Prova disso, é que a Guide Shop da Amaro, primeira do Sul do país fez questão de abrir as suas portas no dia 22 de agosto, para não perder a data do evento.

Continue lendo “Pátio Batel Fashion Walk movimenta corretores do shopping em Curitiba”

Dia dos Pais movimenta R$1,94 bilhão no e-commerce

O Dia dos Pais, celebrado no último domingo (13), movimentou R$1,94 bilhão no e-commerce, alta de 10,1% ante aos R$1,76 bilhão registrados no ano passado. O número de pedidos expandiu 5,1%, de 4 milhões para 4,2 milhões, enquanto o tíquete médio foi de R$462, alta de 4,7% na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Ebit, empresa referência em informação sobre o comércio eletrônico brasileiro.

“Assim como nos principais eventos do primeiro semestre – Dia das Mães e Dia dos Namorados – o e-commerce registrou um desempenho muito positivo no Dia dos Pais. Por ser a primeira do segundo semestre, a data é um excelente termômetro para as vendas no restante do ano. Depois deste resultado, nossa expectativa é de Dia das Crianças, Natal e, principalmente, Black Friday também registrem um faturamento robusto”, afirma Pedro Guasti, CEO da Ebit. O monitoramento da Ebit considerou as vendas realizadas no comércio eletrônico entre os dias 29 de julho e 12 de agosto.

Venda online de passagens rodoviárias aumentou 20% no Dia dos Pais

O movimento nas rodoviárias aumentou 20% no Dia dos Pais deste ano em relação a datas sem feriados. Segundo dados da ClickBus, empresa líder em vendas online de passagens rodoviárias, os principais destinos da data foram Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Goiânia e Belo Horizonte.

“O público tem notado cada vez mais a qualidade e a comodidade do rodoviário Percebemos que, em datas comemorativas que caem em finais de semana, como o Dia das Mães e Dia dos Pais, a maioria das pessoas compra passagens para rotas mais curtas”, conta Fernando Prado, CEO da ClickBus. Contudo, o interesse por viajar no Dia das Mães é 44% maior do que no Dia dos Pais, mas os destinos são semelhantes em ambas as datas.