Diferenciais aquecem negócios da Baggio

O aquecimento do mercado imobiliário já é sentido pela construtora paranaense J.A. Baggio. Entre janeiro e outubro, a empresa registrou crescimento de 46% no número de obras, se comparado ao mesmo peíodo do ano passado.

Entre os diferenciais oferecidos pela construtora está o sistema de preço fechado, onde o cliente contrata a obra por um valor fixo por metro quadrado construído. No valor contratado, estão inclusos os projetos arquitetônico, estrutural, hidráulico, elétrico,  material e mão de obra total da residência, averbação junto á  prefeitura, além de demais taxas relativas á  obra. Outro diferencial é o parcelamento, em até 72 vezes diretamente com a construtora.

Nissei cresce acima do mercado

Na contramão do mercado, que prevê uma redução  de 8% do faturamento, este ano, a  rede paranaense de Farmácias Nissei apresenta números expressivos. Eu entrevistei nesta terça-feira (13) o empresário Sérgio Maeoka, e ele me passou alguns números surpreendentes.  A Nissei hoje é a maior rede de farmácias do Sul do Brasil e está entre as dez maiores do País.

Só este ano, a Nissei abriu 25 novas lojas e nos próximos dois anos deve inaugurar mais 50 lojas, inclusive em São Paulo. E os investimentos são altíssimos. Só para se ter uma idéia, uma mega loja de 700 metros quadrados como as que estão sendo abertas, exige um investimento de pelo menos R$ 1 milhão.  Nas farmácias menores, o investimento gira em torno de R$ 500 mil.

Investimentos superam R$ 15 milhões

Este ano,  os investimentos na abertura de novos pontos da Nissei superaram a casa de R$ 15 milhões, isso sem considerar os recursos destinados para o realinhamento das lojas existentes.  Sérgio Maeoka me disse que a cada dois anos as lojas são reformadas ou ampliadas.

A Nissei que tem hoje 102 lojas e emprega 2400 pessoas, serve de modelo para todo o Brasil. O empresário me disse que o modelo de loja adotado pela Nissei  se baseia no mercado americano, porém com algumas adaptações que ele mesmo fez. Maeoka viaja três a quatro vezes por ano para buscar novas idéias no exterior.

Empresas paranaenses se apresentam para investidores

Quatro grandes empresas de Curitiba listadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) participarão do 1º Sul em Ações, marcado para a próxima segunda-feira (19), das 16 á s 21 horas, em Curitiba. No encontro, a ALL, GVT, Paraná Banco e Positivo Informática mostrarão detalhes sobre suas atuações, partindo do princípio de que a decisão de colocar recursos próprios em ações deve ser motivada pelo grau de conhecimento da pessoa em relação ao negócio que a ação representa.

O evento que acontecerá no auditório do Bloco Vermelho do Centro Universitário Positivo terá palestras dos vice-presidentes Financeiros e diretores de Relações com Investidores das quatro companhias seguidas por sessões de perguntas e respostas. Além das palestras, as empresas terão espaço para discussões individuais com os visitantes. Essa é a primeira vez que empresas do Paraná de capital aberto realizam um evento conjunto em Curitiba. A motivação é o elevado interesse pelo mercado de ações e as recentes aberturas de capital.