Rede Imóveis lança projeto de sede itinerante

Rede ItineranteInspirado no mercado norte-americano, todos os meses um imóvel de destaque da associação funcionará como sede itinerante, podendo ser visitado sem necessidade de agendamento. Objetivo da Rede Imóveis, que conta com 14 imobiliárias, é facilitar negócios para proprietários e para quem quer comprar ou alugar.

A Rede Imóveis, associação que reúne 14 imobiliárias em Curitiba, está lançando o Projeto Itinerante. A partir de agora, todos os meses um imóvel de destaque da carteira da associação será utilizado como sede itinerante, com portas abertas para os consumidores conhecerem facilmente o imóvel e tirarem todas as dúvidas sem a necessidade de ligar para a imobiliária e agendar horário. O objetivo é facilitar negócios para proprietários e interessados em venda e locação, além de expor o conceito de funcionamento da Rede Imóveis, que é integrar empresas para aumentar a oferta de serviços e produtos aos interessados em comprar, vender e locar imóveis

O projeto teve início com uma unidade comercial na rua Deputado Antônio Baby, 27, no Batel, da carteira da Baggio Imóveis. É um prédio de três andares, disponível para locação, que ficará em exposição até 2 de abril. De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e no sábado, das 9h às 15h, um corretor e uma atendente de locação estão no local prontos para dar todas as informações a respeito do próprio imóvel e sobre toda as mais de 7 mil opções da Rede Imóveis. Materiais de divulgação, como banners, marcam o espaço. Com isso, os consumidores ganham um novo canal de atendimento da Rede Imóveis em Curitiba, que já conta com 21 pontos fixos pelos principais bairros da cidade.

Quem também ganha são os proprietários. Como sede do Projeto Itinerante, os imóveis têm mais visibilidade, o que aumenta o número de visitas de pessoas realmente interessadas e, consequentemente, as possibilidades de negócios. Basta lembrar que quem estiver passando pelo local e se sentir entusiasmado para conhecer o prédio, pode entrar e ser atendido rapidamente. “É um projeto inspirado no mercado americano, em que é comum as pessoas abrirem seus imóveis com cafés e até festas para os interessados, que, assim, podem avaliar melhor as opções antes de fechar negócio”, explica Marlon Moser, presidente da Rede Imóveis.

Segundo ele, os primeiros dias mostraram que o projeto está no caminho certo. Vários interessados apareceram no local e disseram gostar da iniciativa. “O feedback das pessoas têm sido muito positivo, principalmente pela caráter inovador desta ação. Tanto que muitos proprietários já comentaram que vão deixar seus imóveis com a gente para venda e locação. Com os resultados já aparentes, estamos estudando ter mais do que um imóvel no projeto ao mesmo tempo”, diz Marlon.

Mirian Gasparin

Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 50 anos na área de jornalismo, sendo 48 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 16 anos de blog, mais de 35 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 20 prêmios, com destaque para o VII Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º e 3º lugar na categoria webjornalismo em 2023); Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *