You are here
Home > Negócios > Brasil é o quinto maior mercado de smartphones no mundo

Brasil é o quinto maior mercado de smartphones no mundo

O Brasil é um país extremamente conectado por celulares: há hoje 230 milhões de celulares ativos no país. Já o número de computadores, notebooks e tablets em uso no Brasil é de 180 milhões. Houve um aumento de 10 milhões no número de smartphones ativos em relação a 2018, revela a 30ª Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas, realizada pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo (FGV-SP). 

Com os avanços na tecnologia e o uso das redes móveis, o perfil dos usuários também tem mudado bastante. Vale lembrar que o leilão para ocupar a nova frequência de celular a ser aberta no país, o 5G, no Brasil está previsto para 2021, segundo o Ministério das Comunicações do Brasil e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

De acordo com Yuri Kaminski, especialista em marketing digital do Portal de Planos (https://portaldeplanos.com.br/) — site que reúne todos os planos de internet, celular, TV e telefone em um só lugar, a chegada do 5G mudará, ainda mais, a forma como a população consome internet.

Kaminski separou 5 curiosidades sobre os serviços de telefonia e internet no país. Veja abaixo:

Quinto no mercado mundial de smartphones

O Brasil é o quinto maior mercado de smartphones no mundo. O país foi o que mais cresceu no segundo trimestre de 2019 em comparação com o mesmo período do ano anterior: aumento de 1,3%, com 10,8 milhões de unidades vendidas, informa o Gartner.

Aumenta número de antenas

Segundo dados do SindiTelebrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal), o país alcançou 100 mil antenas de telefonia e internet móvel em operação em todo o País, o que representa um crescimento de 6% desde maio de 2019, com a instalação de 5.612 novas instalações. 

Cresce uso de internet fixa

O Brasil já conta com um número de contratos de Internet fixa (SCM) maior que o registrado no serviço de telefonia fixa (STFC), revelam estatísticas de acesso de telecom em março publicadas pela Anatel neste ano. No terceiro mês de 2020, 32,998 milhões de contratos de Internet fixa foram contabilizados no país, contra 32,652 milhões do serviço telefônico.

Campeão de pré-pagos

Segundo estudo da Agência Nacional da (Anatel) o último trimestre de 2019 foi encerrado com 226 milhões de celulares em serviço, dos quais 51,63% eram pré-pagos e 48,37% pós-pagos. Já no fim de 2018, os celulares pós-pagos dominavam 41% do mercado de telefonia móvel nacional. A pesquisa indica um aumento de planos pós-pagos, mas o pré-pago no Brasil ainda domina.

Compras pelo celular

Quase 80% dos brasileiros fazem compras pelo smartphone, afirma pesquisa encomendado pelo Paypal feita de forma global pela Ipsos. Os smartphones acabam se tornando a opção mais barata de se ter acesso à internet e redes sociais.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top