SUVs foram os melhores negócios de seminovos em dezembro

SUVs foram os melhores negócios de seminovos em dezembro

Modelos se destacaram nas três primeiras posições, apresentando rápido giro de estoque e alto ticket médio

Os SUVs lideram o ranking dos melhores negócios em seminovos do mês de dezembro, segundo o Estudo Megadealer de Performance Veículos Usados powered by Auto Avaliar, que analisou a base dados de vendas realizadas por meio da plataforma Auto Avaliar, a qual conta com 2.492 concessionárias, de 23 marcas, cadastradas em todo o Brasil.
Na primeira posição, destaca-se o Honda HR-V, com um preço médio de venda de R$ 130.355, margem bruta de 9,8% e prazo médio de venda de 28 dias. Em segundo lugar, está o Hyundai Creta, que registrou preço médio de venda de R$ 105.750, margem bruta de 9,2% e giro de estoque de 26 dias. A terceira posição ficou com o Caoa Chery Tiggo 5x. Seu ticket médio foi de R$ 98.915, margem de 9,7% e giro de 29 dias.
“Tivemos uma surpresa, pois os SUVs ocuparam as três primeiras posições, apresentando rápido giro de estoque e alto ticket médio, fatores que alavancaram a rentabilidade nestas negociações”, observa o diretor da Megadealer, Ari Kempenich.
O estudo destacou ainda que o último mês do ano de 2023 foi marcado pela aceleração das vendas de veículos usados, com um giro de estoque recorde anual de 35 dias (período de compra e venda). O número ficou bem abaixo do registrado no mesmo intervalo de 2022 (43 dias) e do mês de novembro (40 dias). O ticket médio atingiu R$ 79.257, pouco acima de novembro (R$ 79.230) e de dezembro de 2022 (R$ 78.796).
“A estabilidade nas margens em 10,4% demonstrou um cenário competitivo no final de ano. Tivemos um período de negociações velozes, alcançando novo recorde de 35 dias, entre o período de compra e venda do carro usado. Na composição da rentabilidade, o aumento da velocidade de vendas é fundamental para a melhora nos resultados”, ressalta Kempenich.
A plataforma Auto Avaliar atingiu seu recorde de captações em dezembro de 2023. Foram mais de 38,8 mil veículos comprados pelas concessionárias. Já o Retorno Sobre o Investimento (ROI médio calculado pela margem bruta/giro de estoque) nas operações de seminovos (MY21-23) das concessionárias subiu de 64% para 70% em dezembro 2023, demonstrando em geral que o mês foi mais rentável para praticamente todas as marcas.

Asiáticas se destacam em rentabilidade

Em termos de rentabilidade, se destacaram as marcas asiáticas, que registram ROI bem acima da média. O ranking das top 5 ficou assim: Honda e Hyundai (97%), Mitsubishi (85%), Nissan (81%), Renault (76%) e Caoa Chery (75%).
Um dado curioso é a origem das captações das concessionárias de usados de outras marcas. A rede de revendas Citroen ficou em primeiro lugar na conquista de clientes de outras marcas, ou seja, do total de vendas de usados, 85% ocorreram com a troca de carros de outras montadoras por veículos da Citroen.
A segunda colocada em conquistar clientes de outras marcas foi a Kia, com 81%, e a terceira a Peugeot, com 80%. Na sequência aparecem Caoa Chery (76%) e Nissan (69%).

Mirian Gasparin

Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 50 anos na área de jornalismo, sendo 48 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 16 anos de blog, mais de 35 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 20 prêmios, com destaque para o VII Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º e 3º lugar na categoria webjornalismo em 2023); Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *