Gaslog investe R$ 6 milhões em ampliação de bases no Paraná e Santa Catarina

Gaslog investe R$ 6 milhões em ampliação de bases no Paraná e Santa Catarina

Clientes serão beneficiados com o investimento que irá dobrar a capacidade de armazenamento de GLP

No ano em que completa 20 anos de fundação, a Gaslog investe aproximadamente R$6 milhões em suas bases em Balsa Nova, no Paraná, e em Blumenau, no estado de Santa Catarina. Cada uma delas irá ganhar, nos próximos dois meses, mais um tanque de 60 mil quilos, o que significa o dobro da capacidade atual. Ainda está previsto para esse ano o crescimento da frota, que deve ganhar mais três caminhões.

A ampliação da capacidade de armazenamento se deve ao aumento da carteira de clientes em 134% no ano passado, além da perspectiva de crescimento da Gaslog em 2024. A empresa distribui GLP para empresas, indústrias, agronegócios e condomínios de 67 municípios.

Esse investimento terá um impacto positivo para todos os clientes da Gaslog. Os 11 caminhões da distribuidora de GLP a granel percorrem as estradas do Paraná e Santa Catarina e, com o giro programado, cada cliente sabe qual é o dia do abastecimento.

Marcelo Medeiros.

“Com toda nossa infraestrutura, eles não correm o risco de ficar sem gás. Portanto, no dia a dia, os clientes não precisam se preocupar com esse insumo e podem dedicar seu tempo para realizar outras atividades, seja na gestão de um condomínio ou da empresa. Esse é um dos diferenciais da Gaslog”, aponta Marcelo Medeiros, diretor de operações da Gaslog.

O atendimento, aliás, é um dos principais atributos da distribuidora, que possui uma estratégia orientada ao cliente, que inicia já no primeiro contato. Os colaboradores do departamento comercial receberam treinamento técnico para avaliar a melhor solução antes de apresentar uma proposta comercial. Todos os profissionais envolvidos no processo, passando pela venda, instalação e relacionamento, fazem parte do quadro da Gaslog. E em caso de emergência, após às 18h, o cliente será atendido pelo coordenador das unidades e não por um telefonista numa central de 0800. Ou seja, em todas as fases do atendimento, o contratante conta com uma consultoria especializada.

 “Toda nossa equipe é interna. E o nosso time de pós-venda está sempre em contato com os clientes e está habilitado para solucionar qualquer problema. Não estamos preocupados em vender, mas em atender todas as necessidades do cliente e adequá-las às normas e legislações vigentes. Tanto que não há multa para rescindir o contrato, porque confiamos no nível de qualidade e serviço que entregamos”, afirma Medeiros.

Mirian Gasparin

Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 50 anos na área de jornalismo, sendo 48 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 16 anos de blog, mais de 35 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 20 prêmios, com destaque para o VII Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º e 3º lugar na categoria webjornalismo em 2023); Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *