5 dicas para uma gestão financeira de sucesso

5 dicas para uma gestão financeira de sucesso

A gestão financeira deve ser incluída no planejamento empresarial

Uma gestão financeira eficaz é vital para a sobrevivência e crescimento de qualquer negócio. “Quando bem feita, a gestão financeira ajuda a empresa a utilizar de forma assertiva e sustentável seus recursos, cumprindo seus compromissos com as partes interessadas, obtendo vantagem competitiva e, sobretudo, preparando-se para a estabilidade financeira a longo prazo”, diz Paco Fazito, Mestre em Administração de Empresas e embaixador da S.I.N. Implant System.

Como um importante aspecto do negócio, a gestão financeira deve estar incluída no planejamento contínuo empresarial. Organização, controle e monitoramento de recursos financeiros são algumas das etapas deste processo.

Veja, a seguir, cinco dicas do especialista Paco Fazito para alcançar sucesso nessa tarefa:

1.Mantenha registros monetários

“Isso é muito importante para garantir a saúde financeira do negócio”, diz Paco Fazito. “É preciso que o empreendedor mantenha os registros corretos e atualizados de seus ganhos, assim como das despesas e todas as transações monetárias”, conclui. Com isso, será possível manter o controle das finanças e facilitar a organização de extratos e relatórios, bem como o registro de impostos. “Existem diversos aplicativos para smartphones que oferecem este serviço e são muito fáceis e intuitivos de serem utilizados”, afirma o especialista.

2. Estabeleça metas financeiras

Está aí um ponto chave. Estas metas são pautadas em indicadores financeiros e se destinam à estabilidade ou crescimento que a empresa visa atingir em determinado espaço de tempo. “Elas servem para orientar a operação e as estratégias do negócio, sendo uma ótima forma de transformar desejos em ações, levando em conta todo o cenário de prós e contras”, diz Paco. “Desde minimizar custos até maximizar lucros, tudo que tenha impactos monetários no negócio pode ser considerado meta financeira”, conclui.

3. Tenha um plano de negócios  

A falta de planejamento é um dos fatores mais presentes em empresas que fecham as portas, segundo pesquisas do Sebrae. Portanto, empreendedores obtêm mais sucesso quando possuem uma estratégia bem definida e, nesse contexto, o plano de negócios é fundamental para todo negócio. “O objetivo deste documento é fornecer um roteiro claro para o futuro da empresa. Ele descreve a visão, metas e estratégias, orientando proprietários e stakeholders na compreensão de suas operações e objetivos”, diz Paco Fazito. Em tempo: o documento ajuda o empreendedor a determinar suas necessidades financeiras, estipulando a quantia de capital necessária para os mais variados objetivos, permitindo, dessa forma, que o empresário se planeje com antecedência, especialmente se precisar angariar fundos adicionais no futuro.

4. Resolva os problemas assim que eles surgirem

“É sempre muito estressante enfrentar problemas financeiros na empresa, mas sempre é possível buscar ajuda especializada e, nestes casos, postergar pode tornar tudo mais difícil e caro”, diz Paco Fazito. “Um consultor de negócios deve ser procurado o mais rápido possível nestas situações. Este profissional irá ajudar com estratégias para minimizar impactos, como lidar primeiro com dívidas prioritárias e propor melhorias na gestão de fluxo de caixa”, conclui.

5. Conte com um consultor de negócios

Em caso de dúvidas ou dificuldades sobre gerenciamento de dinheiro ou até mesmo para obter orientações valiosas, o empreendedor não deve hesitar em procurar um consultor de negócios. “Esses profissionais oferecem informações valiosas e customizadas, que ajudam o empreendedor a fazer escolhas financeiras inteligentes, levando em conta também planos a longo prazo,trabalhando questões como aposentadoria e fundos de investimentos”, explica Paco. “Tudo isso traz maior sustentabilidade, segurança e tranquilidade para a empresa”, conclui.

Mirian Gasparin

Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 50 anos na área de jornalismo, sendo 48 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 16 anos de blog, mais de 35 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 20 prêmios, com destaque para o VII Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º e 3º lugar na categoria webjornalismo em 2023); Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *