You are here
Home > Sem categoria > Região Sul continua sendo mercado potencial para rótulos autoadesivos

Região Sul continua sendo mercado potencial para rótulos autoadesivos

rótulosCom a proposta de ajudar seus clientes diretos (convertedores) e indiretos (end users) a se diferenciarem para ganhar competitividade e gerar novos negócios, o vice-presidente da Avery Dennison América do Sul, Ronaldo Mello, reuniu-se com 70 clientes entre convertedores e distribuidores da Região Sul, em Porto Alegre (RS). Em sua apresentação, Mello salientou o desempenho positivo da região em 2015. “Enquanto o PIB Brasileiro deverá registrar retração de 1,2% este ano, os negócios da Avery na região crescerão em volume numa proporção ainda maior. Sabemos, portanto, que há oportunidades e nossa proposta é ajudar os empresários locais a acompanhar as tendências e oferecer o que o mercado quer neste momento.”

Na ocasião Renato Rafael, gerente de Produtos para LPM Brasil, analisou alguns segmentos de mercado onde residem oportunidades para os rótulos autoadesivos. No caso de produtos para limpeza doméstica, as principais tendências detectadas para o Brasil são: produtos mais eficientes e práticos, que ajudem a mulher que trabalha fora nas tarefas domésticas; diversificação de portifólio com produtos específicos para cada tarefa; e produtos premium que ajudem as empresas a aumentar a rentabilidade e compensar a perda de volume em função da crise. Nesta categoria, três itens prometem crescer até 2019: produtos para lavanderia (4,34%), odorizadores de ambiente (3,34%) e produtos para lava-louças (3,22%). Pensando no mercado de odorizadores de ambiente, a Avery lançou recentemente o Aero Dress, que garante maior apelo em gôndola, aumento de produtividade no processo das indústrias e possibilidade de re-rotulagem de latas impressas.

Já na linha de produtos para cuidado pessoal, a pesquisa apresentada pelos executivos da Avery revela como tendências: produtos com ingredientes naturais e que remetem aos temas Brasil e natureza, foco no público masculino e mais informações na embalagem/rótulo. As melhores previsões para crescimento anual até 2019 são encontradas nas categorias: depilatórios (11,2%), produtos para bebês e crianças (9,1%) e produtos para homens (8,2%). A Avery aposta que os rótulos de PE verde (polietileno), à base de etanol, estão alinhados aos anseios deste mercado.

Um dos mercados mais competitivos, o de alimentos, também apresenta tendências específicas como: embalagens práticas e de fácil uso (destaque para as etiquetas resseláveis), caráter Premium associado ao aspecto artesanal e transparência (visual No Label Look). Neste caso, a aposta de crescimento até 2019 reside nos snacks (13,5%), refeições prontas (11,7%) e congelados (9,7%). Entre as opções em materiais para rótulos oferecidas pela Avery Dennison para este mercado, destaque para o PP Transparente Térmico Direto recém lançado pela Avery. Uma alternativa que permite a impressão de informações variáveis em rótulo, com o impacto visual da transparência.

Na categoria de bebidas alcoólicas, os vinhos e espumantes ganham destaque, “especialmente em um mercado como o do Sul do Brasil”, lembra Renato Rafael. “Os rótulos de vinhos e espumantes podem ser sóbrios ou arrojados, ajudando as marcas a reforçarem sua identidade. Rótulos brancos destacam a arte impressa e colaboram para um maior apelo em gôndola. Não podemos esquecer também do aumento do consumo de cervejas artesanais; os tradicionais consumidores de vinho começam a experimentar mais o novo produto.” Mesmo assim, os segmentos que deverão registrar maior alta anual até 2019 são: saquê (6,4%), espumantes (5,3%) e vinhos (2,3%).

Para atender a este mercado, a Avery Dennison oferece diversas soluções em materiais autoadesivos, mas destaca o Aqua Opaque, com uma tecnologia exclusiva de adesivo que evita que o rótulo fique cinza em condições úmidas. “Ele mantém os rótulos com um visual Premium, além de garantir ótima opacidade mesmo depois de a garrafa ficar duas horas em balde de gelo.”

A Avery Dennison também enxerga a Região Sul do Brasil como um mercado potencial para os materiais da área de Graphics. Neste caso, Juliano Lima, Gerente de Vendas de Graphics Brasil destaca como tendências globais o florescimento do varejo, o aumento das mídias em ônibus e dos investimentos em sinalização e publicidade, materiais promocionais para ações de curta duração, aumento do calandrados, adesivação de paredes em ambientes internos, crescimento da customização e realce de superfícies. “Nossa missão é aprimorar os clientes pequenos e médios e alinhá-los às tendências globais nas três principais aplicações: mídias em veículo, mídias exteriores e mídias interiores”, completa.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top