You are here
Home > Trabalho/Emprego > Sete cargos da área financeira em alta em 2020

Sete cargos da área financeira em alta em 2020

O ano de 2020 marca a retomada das contratações das áreas financeiras como um todo. É o que aponta um levantamento realizado pela consultoria de recrutamento Robert Half, com base no Guia Salarial 2020.

Em Finanças e Contabilidade, terão destaque as empresas que tiverem equipes mais bem estruturadas e adotarem soluções tecnológicas, vistas como importante diferencial competitivo. Já no Mercado Financeiro, as expectativas estão depositadas em bancos, butiques ou fintechs.

O reaquecimento do mercado tende a elevar o poder de escolha do candidato. Por isso, é vital que as empresas invistam em um processo seletivo ágil. “Durante a seleção, é essencial os recrutadores terem clareza do que estão procurando: qual o perfil ideal de profissional, se a remuneração é competitiva e se o processo tem poucas fases, para não deixar o candidato inseguro e acabar perdendo um talento para outras empresas”, aconselha Fernando Mantovani, diretor geral da Robert Half no Brasil.

Em 2020, as habilidades demandadas dos profissionais dessas áreas são: Boa comunicação, Visão estratégica, Senso de dono, Visão do negócio, Perfil inovador e multidisciplinar e Domínio do idioma inglês. Veja quais são os sete cargos da área de Finanças, Contabilidade e Mercado Financeiro em alta, segundo o Guia Salarial da Robert Half :

1) Analista de Auditoria e Compliance

O que faz? Audita as áreas no intuito de analisar se todas as normas do banco central estão sendo cumpridas.
Perfil: perfil jovem, perfeccionista, curioso e interessado em atualização de dados.
Salário: 9.900/ 12.200/ 14.400/ 17.700
Por que está em alta? Pela implementação da LGPD.

2) Gerente Comercial Corporate
 
O que faz? Prospecta clientes na indústria que faturam acima de R﹩ 50 milhões ao ano.
Perfil: comunicativo, orientado a negócio e que conheça o leque de produtos que o mercado oferece.
Salário: 22.250/ 27.500/ 32.450/ 39.850
Por que está em alta? os bancos estão mais receptivos em dar crédito, então precisam de pessoas comerciais que conheça o mercado financeiro.

3) Gerente de Crédito e Risco
 
O que faz? Analisa o risco de crédito que envolve os negócios que os Gerentes Comerciais originam
Perfil: analítico, focado e que falem inglês fluente para enviar reports para a matriz (geralmente fora do Brasil).
Salário: 20.150/ 24.900/ 29.400/ 36.100
Por que está em alta?- é uma posição que sempre tem demanda no mercado, pois as operações nunca param de ser originadas.

4) Gerente Comercial Private
 
O que faz? Origina negócios com clientes que têm alto volume financeiro para investir – pessoas físicas de renda acima de R﹩ 3 milhões para investimento.
Perfil: originador, que tenha uma carteira de relacionamento grande e fiel
Salário: 16.350/ 20.200/ 23.850/ 29.300
Por que está em alta? mercado demanda este profissional para poder expandir sua receita. Com o boom dos Agentes Autônomos de Investimentos (AAI), as empresa ampliam também o leque de Gerentes Comerciais Private.

5) Analista de Investimentos M&A
 
O que faz? Analisa os possíveis ativos para poder investir em diversos segmentos, bem como que tipo de empresas podem se fundir, de acordo com o seu segmento.
Perfil: analítico, planilheiro, conhece de modelagem financeira e bastante lógico
Salário: 10.600/ 13.100/ 15.450/ 19.000
Por que está em alta? área que fornece informações de mercado e economia de alta performance para ajudar o gerente de carteira de investimentos na tomada de decisão.

6) Gerente de Planejamento Financeiro/ Controladoria
 
O que faz? Elaboração do orçamento da empresa, divergências entre orçado vs realizado, projeções, KPIs, papel de parceiro do negócio.
Perfil: Comunicativo, articulado, geralmente precisa falar inglês fluentemente, interação com todas as áreas da empresa.
Salário: P/M – 13.650/ 17.000/ 21.000/ 30.000;
G – 18.850/ 23.500/ 29.000/ 41.500.
Por que está em alta? Empresas estão pensando cada vez mais no futuro e no longo prazo, se profissionalizando, estruturando a área de orçamento, investindo e controlando gastos.

7) Gerente de Finanças Corporativas
 
O que faz? Tesouraria estruturada, Relações com Investidores, Fusões & Aquisições.
Perfil: Visão Estratégica, Dinamismo, inglês fluente, visão do negócio, perfil multidisciplinar.
Salário: P/M – 13.250/ 16.500/ 20.400/ 29.150;
G – 18.450/ 23.000/ 28.400/ 40.600
Por que está em alta? Momento de retomada de mercado, com investimentos em diversos setores.
Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top