You are here
Home > Sem categoria > Mercado de água mineral deve crescer 10% este ano

Mercado de água mineral deve crescer 10% este ano

O mercado de águas minerais no Brasil registra um faturamento anual de R$1,6 bilhão. No mundo, o consumo em 2007 foi de 206 bilhões de litros e o faturamento girou em torno de US$100 bilhões. Segundo Carlos Alberto Lancia, presidente da Associação Brasileira da Indústria de águas Minerais (Abinam), em 1998 o consumo era de 2,5 bilhões de litros; em 2006 houve um grande incremento para 6,2 bilhões; em 2007 subiu para 6,8 bilhões e no ano passado superou a marca dos 7,5 bilhões”. Lancia, projeta para 2009 é um crescimento de pelo menos 10%, o que superaria a marca dos 8,3 bilhões de litros.

O presidente do conselho de administração da paranaense Empresa de águas Ouro Fino, Guto Mocellin, informa que nos últimos cinco anos o aumento na produção da empresa foi de 25%. A produção de água mineral anual da Ouro Fino é de 150 milhões de litros. Hoje temos 67% do mercado de águas no Paraná”, informa Mocellin. Carlos Alberto Lancia explica o aumento, á  crescente preocupação das pessoas com a saúde tem levado ao maior consumo de produtos naturais, sem conservantes ou aditivos, e a água mineral é a única bebida totalmente natural, zero açúcar e zero caloria.

O Brasil é hoje o quarto maior produtor de água engarrafada no mundo. Lancia apresenta os dados levantados pela Associação Internacional de águas Engarrafadas, que indicam que brasileiros consomem mais deste produto do que alemáes, italianos, franceses e espanhóis. O Brasil fica atrás somente dos Estados Unidos, do México e da China. A água mineral brasileira tem um dos custos mais baixos do mundo e hoje já ultrapassou a venda de refrigerantes no mercado nacional”, informa Lancia.

Deixe uma resposta

Top