BB libera mais de R$ 1,6 bi em linha de crédito para financiar o pagamento do 13º salário pelas empresas

O Banco do Brasil, como líder do mercado bancário de Micro e Pequenas Empresas (MPEs), apoia o segmento no pagamento do 13º salário das pessoas jurídicas, em especial as de pequeno porte. Neste ano, o BB antecipou as contratações dessa solução, lançando a temporada 2015 no dia 31 de julho, em todas as agências do BB no País, permitindo que os clientes tenham mais tempo para planejar seu fluxo de caixa e contratar os recursos com antecedência. Normalmente, o empréstimo é liberado aos empresários em setembro. A antecipação possibilitou, até o momento, a formalização de 33,1 mil contratos, abrangendo um valor total de desembolso na ordem de R$ 1,63 bilhão. As contratações podem ser feitas até o dia 30 de dezembro de 2015.

O prazo de pagamento pode chegar a até 24 parcelas, com até 90 dias de carência para o pagamento da primeira prestação. Outro grande diferencial é o Bônus Parcela em Dia, benefício que possibilita a devolução mensal de 10% do valor dos juros pagos nas parcelas do empréstimo. O crédito é realizado automaticamente na conta–corrente do cliente, no caso de pagamento em dia do total da parcela.

O empréstimo é direcionado aos empreendimentos de qualquer ramo de atividade e de qualquer faixa de faturamento, com a possibilidade de ser financiada até 100% da folha de pagamento mais encargos sociais. Mais de 110 mil empresas possuem limite pré-aprovado para contratação da solução de crédito.

A linha apresenta taxas atrativas, a partir de TR (Taxa Referencial) mais 2,34% ao mês, estabelecidas de acordo com o perfil do cliente. A taxa mínima líquida é de TR mais 2,10% ao mês, se considerado o benefício do Bônus Parcela em Dia.

A contratação pode ser realizada nas agências do Banco do Brasil. Para as empresas que já são clientes do BB e detêm cadastro atualizado, não é necessária documentação adicional. Se houver margem disponível no limite de crédito, o cliente ainda pode utilizar a solução para outras finalidades, como pagamento a fornecedores e tributos.

Mirian Gasparin

Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 50 anos na área de jornalismo, sendo 48 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 16 anos de blog, mais de 35 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 20 prêmios, com destaque para o VII Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º e 3º lugar na categoria webjornalismo em 2023); Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *