You are here
Home > Trabalho/Emprego > Startup desenvolve solução para gestão de RH remotamente

Startup desenvolve solução para gestão de RH remotamente

Quem é empreendedor e tem funcionários trabalhando esporadicamente fora do escritório, costuma ter uma dificuldade em comum: como controlar, de forma simples, os horários de início e fim da jornada, para que os direitos do empregador e empregado sejam sempre respeitados? A Gelt, uma empresa paranaense, ganhou um edital de inovação do Sebrae e já oferece essa funcionalidade para pequenas e médias empresas.

A primeira versão do produto foi desenvolvida para celulares smartphones e com o sistema operacional Android. Para evitar fraudes e também facilitar a administração do gestor de RH, o sistema registra as coordenadas de latitude e longitude, além do horário do aparelho, da rede de telefonia, da operadora, entre outros dados. Com isso, se algo fugir do habitual, o aplicativo alerta o setor de RH da empresa, que verifica o que pode ter acontecido.

Software

“A ideia de desenvolver esse software veio de um problema interno nosso, pois tínhamos dificuldade em gerir o ponto, pois nossa empresa, que está em Londrina, tem funcionários trabalhando em Curitiba e em outros locais. Com isso, procuramos no mercado um produto que atendesse às nossas necessidades, mas não encontramos. Percebemos, então, que era uma oportunidade para desenvolver o nosso”, explica Tony Philip Selmer Novaes, da Gelt.

Além de ter a funcionalidade de registrar os horários de trabalho, o aplicativo também serve como um quadro de avisos. A empresa, então, ganha mais uma forma de comunicação com o funcionário, que recebe os alertas em seu próprio celular, durante a jornada de trabalho.

A segurança dos dados da empresa e do funcionário é garantida por meio de um sistema de criptografia. Armazenado na nuvem, os dados podem ser inseridos tanto por meio do celular, como por tablets ou pelo próprio computador do empregado. O sistema notifica a empresa caso o empregado saia do local determinado do trabalho.

De acordo com Novaes, o apoio do Sebrae foi fundamental para desenvolver o software. “Foi essencial na questão da gestão do aporte recebido, das reuniões, do direcionamento, da análise de mercado, além de nos ajudar a identificar as maiores dores desse tipo de processo. Sem o Sebrae não teríamos atingido o objetivo”, diz o empreendedor.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top