You are here
Home > Negócios > Serasa Experian passa a vender certificados digitais também por meio de plataformas como WhatsApp

Serasa Experian passa a vender certificados digitais também por meio de plataformas como WhatsApp

A Serasa Experian está iniciando processo de venda e renovação de certificados digitais também por meio das ferramentas WhatsApp e Click to Call, através do seu site e de interface via e-mail marketing. Essas operações estão sendo feitas em conjunto com o parceiro Flex Gestão de Relacionamentos. “Estamos buscando com essa iniciativa novas formas de relacionamento com nossos clientes, visto que essas tecnologias muitas vezes ficam vinculadas a serviços de SAC nas empresas, além de estarem cada vez mais disseminadas”, diz Maurício Balassiano (foto), diretor de Certificação Digital da Serasa Experian.

Segundo ele, trata-se, portanto, de um novo canal, sem nenhum contato humano. Com isso, o cliente se auto serve dentro da plataforma, podendo realizar o processo de compra de qualquer lugar a qualquer momento, além de poder compartilhar a experiência com o maior número de pessoas que também precisam do produto.

A experiência se apresenta tão simples, rápida e eficiente que alguns clientes voluntariamente dão depoimentos a respeito, como o a seguir, feito por Abbacy Frasão: “A compra pelo Whatsapp foi rápida e prática, achei a experiência muito positiva e inclusive compartilhei o número com outras pessoas que vão precisar do certificado. Além da recepção no posto de atendimento, que validou as informações e passou muita segurança.” Outra cliente, Amanda Garcia, disse: “Superou as minhas expectativas, não tive dúvidas durante o processo de compra e de agendamento do certificado digital da Serasa Experian. Foi uma experiência muito positiva!”.
Colégio Positivo anuncia investimentos em Londrina

A Divisão de Ensino do Grupo Positivo acaba de anunciar novos investimentos em Londrina (PR). Em setembro, o grupo paranaense inicia a construção de um novo prédio para abrigar as turmas do Ensino Bilíngue e do Ensino Médio, que passam a ser ofertadas já em 2020 no Colégio Positivo – Santa Maria. O investimento de cerca de R$ 7 milhões prevê um acréscimo de 72% no número de alunos no próximo ano letivo.

Esta é a segunda vez que o colégio faz uma grande obra desde que adquiriu o prédio, em dezembro de 2017. “O mercado londrinense aceitou muito bem a nossa metodologia e os nossos valores e, agora, a demanda pelo projeto de ensino bilíngue e pelo nosso Ensino Médio em Londrina já mostrou-se suficiente para a construção de um novo prédio”, afirma Celso Hartmann, diretor-geral do Colégio Positivo.

O Ensino Médio ficará sob coordenação do professor Sergio Luiz de Souza, especialista em História e Patrimônio e em Gestão Escolar, que leciona há mais de 20 anos e já é gestor das turmas dos anos finais do Ensino Fundamental do colégio. “Essa é uma das fases mais importantes na vida do aluno, na qual são tomadas decisões que serão significativas no futuro, como a escolha da carreira. Nesse nível de ensino, o Colégio Positivo intensifica o grau de exigência e de preparação, para que o aluno conquiste vagas nas melhores universidades e faculdades do país”, adianta.

Com a implantação em Londrina, o Colégio Positivo agora oferece o Ensino Médio em sete unidades: são quatro em Curitiba, uma em Ponta Grossa, e uma em Joinville. Todas as unidades seguem a mesma metodologia e o mesmo cronograma de aulas, de acordo com o padrão do Centro de Inovação Pedagógica Positivo (CIPP). “A partir de agora, muitos pais que mandavam os jovens estudar em Curitiba para garantir a qualidade Positivo na preparação para os vestibulares e Enem, vão poder ter os filhos em casa por mais tempo”, garante Souza.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top