You are here
Home > Finanças > GT Company promove painel sobre tendências econômicas para o próximo ano

GT Company promove painel sobre tendências econômicas para o próximo ano

Apesar da retomada da economia pós-Covid, o Brasil terá dois grandes desafios para o próximo ano: a crise de energia, motivada pela ausência de chuvas e risco de racionamento, e a escalada da inflação. Esses dois fatores, associados a escassez de insumos industriais, indefinição da taxa de juros para negócios futuros e as eleições majoritárias, deixam o cenário mais conservador para investimentos e crescimento da economia.

A projeção foi feita pelos professores Paulo Miguel, diretor de investimentos do Julius Bär Family Office, e Carlos Pereira, professor titular da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da Fundação Getúlio Vargas. Miguel e Pereira foram convidados da segunda edição do Painel Econômico, promovido pela GT Company, do empresário Geninho Thomé, para os executivos, investidores e sócios das empresas que integram a holding (GT Building, Neoortho, Ilapeo e Ecomais).

“Mesmo vivendo ainda na pandemia da Covid-19, registramos uma forte retomada da economia neste ano. A projeção, no entanto, para crescimento em 2021 está atrelado ao elevado grau de incerteza inflacionária e ao risco de racionamento de energia”, adverte Paulo Miguel.

Ele informou, no entanto, que há indícios da retomada relevante de crescimento a partir do próximo ano, desde que o novo presidente da república mantenha o ajuste fiscal e alinhamento das contas públicas como ponto de partida.

Para Carlos Pereira, o cenário político do próximo ano aponta para a necessidade de manter um governo de coalizão, alinhado a congruência de preferências medianas do Congresso Nacional. “Governar sozinho é um risco que pode dificultar o crescimento do país”, afirmou Pereira, que é Pós-Doutor em Ciência Política pela University of Oxford, Doutor e Mestre em Ciência Política pela New School University, Mestre em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco e graduado em Medicina pela Universidade Estadual de Pernambuco.

A segunda edição do Painel Econômico GT Company foi realizada na sede da Ilapeo e foi a primeira no modelo presencial.

Saiba mais sobre a GT Company

A GT Company foi fundada em 2012, a partir da organização dos negócios constituídos pelo empresário Geninho Thomé. A holding é formada por cinco empresas, além de parcerias estratégicas, com atuação nas áreas de Empreendimentos Imobiliários, Medicina e Saúde, Energia, Educação e Tecnologia. Atualmente, possui negócios e investimentos que somam meio bilhão de reais.

Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe um comentário

Top