You are here
Home > Telecomunicações > Estrutura de telecom da Eletrosul atenderá cidades-sede da Copa

Estrutura de telecom da Eletrosul atenderá cidades-sede da Copa

A estrutura de telecomunicação da Eletrosul será responsável pela transmissão simultânea em alta definição, via TV e internet, de todos os jogos da Copa do Mundo de 2014 disputados nas cidades-sede de Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR). Em parceria com a Telebras, a empresa está concluindo a ampliação de 80 gigabits por segundo (Gbps) para 1.600 Gpbs de seu sistema de comunicação óptica de alta velocidade – chamado DWDM – atendendo aos requisitos de qualidade exigidos pela Federação Internacional de Futebol (Fifa).

A expansão da infraestrutura da Eletrosul e da Telebras envolve a instalação de equipamentos de última geração, com tecnologia nacional, em mais de 20 subestações da empresa. O sistema DWDM que atenderá ao mundial vai abranger 1,6 mil quilômetros de cabos ópticos que atravessam municípios como Porto Alegre, Caxias do Sul, Gravataí, São Francisco de Paula e Nova Santa Rita, no Rio Grande do Sul; Florianópolis, Tubarão, Capivari de Baixo, Palhoça, São José, Biguaçu, Itajaí, Blumenau e Joinville, em Santa Catarina; Curitiba, Ivaiporã, São Mateus do Sul, Pinhão, Manoel Ribas e Londrina, no Paraná; e as cidades paulistas de Assis, Bauru e Araraquara.

A parceria entre Eletrosul e Telebras está prevista em contrato técnico-operacional e comercial firmado em agosto de 2013, que contempla, inclusive, ações para implantação do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL).

“Além de otimizar os recursos para prestação conjunta de serviços e reduzir custos com equipamentos, a parceria com a Telebras e a insfraestrutura para atender a Copa do Mundo deixará um legado positivo para o País, especialmente para o desenvolvimento de ações de inclusão digital”, acredita Marcos Romeu Benedetti, gerente do Departamento de Telemática.

A rede própria e de swap de telecom da Eletrosul – backbone – possui 10,2 mil quilômetros de fibras ópticas em cabos OPGW (para-raios nas linhas de transmissão), ADSS (cabo óptico auto-sustentado) e dielétricos.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top