You are here
Home > Negócios > Testes comprovam tecnologia anticovid em painéis da Guararapes

Testes comprovam tecnologia anticovid em painéis da Guararapes

Antes da pandemia da Covid-19, design e qualidade eram algumas das principais preocupações ao planejar o mobiliário residencial, corporativo ou comercial. Agora, além disso, o cuidado com a saúde passou a ser um grande diferencial no design de interiores. A Guararapes, referência nacional na produção de painéis de MDF, é pioneira no uso de tecnologias que combatem o coronavírus. Desde 2015, a marca utiliza a tecnologia exclusiva NanoxClean® que elimina bactérias, vírus e outros microrganismos e tem ação vitalícia.

No ano passado, os painéis de MDF da Guararapes foram submetidos a testes que também comprovaram a eficácia da tecnologia ao inativar em poucos minutos 99,9% do vírus SARS-CoV-2, causador da Covid-19.  Os testes foram conduzidos pela empresa especializada Quasar Bio, referência em ensaios com SARS-CoV-2, e que possui seus laudos protocolados pelo Dr. Lucio Freitas Jr, especialista no assunto. Os ensaios foram realizados em laboratório de biossegurança de nível 3 (NB3) do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (ICB-USP) e obedecendo às Boas Práticas de Laboratório (BPL).

Esse resultado se deve ao uso de NanoxClean®, patenteada no setor há mais de cinco anos pela Guararapes junto à Nanox®, startup brasileira referência no desenvolvimento de materiais inteligentes. Pensada inicialmente para evitar a proliferação de fungos e bactérias no MDF, a proteção já está presente em todo o portfólio decorativo da marca há cinco anos. Ou seja, móveis fabricados com MDF decorativo Guararapes a partir de 2015 já têm essa proteção. Outro diferencial: a tecnologia não é afetada pela limpeza diária, por isso tem ação vitalícia.

“Investir em tecnologia para desenvolver produtos de alta qualidade e inovadores, alinhados às necessidades de mercado, é uma de nossas propostas de valor. Quando desenvolvemos a proteção antimicrobiana para nossos painéis de MDF, em conjunto com a Nanox®, o objetivo era contribuir para ambientes mais saudáveis para os lares das pessoas. Com o surgimento da Covid-19, realizamos diversos estudos em conjunto com pesquisadores da Quasar Bio e da Nanox®, e conseguimos comprovar a eficácia de nossa tecnologia exclusiva e pioneira no setor”, explica Humberto Oliveira, gerente de Marketing da marca.

Como funciona

A tecnologia NanoxClean® cria uma barreira de proteção à base de nanotecnologia que quando está em contato com os agentes patógenos, inativa os vírus, fungos e bactérias. Isso se deve à propriedade natural de seu ativo, a prata, que já é conhecida por sua ação antibacteriana. No caso do SARS-CoV-2, a prata oxida a camada externa do vírus, eliminando-o da superfície.

A linha decorativa da Guararapes recebe a proteção NanoxClean® por meio de uma lâmina de melamina com as micropartículas de prata, que é prensada na superfície dos painéis de MDF.

 “Nós já conhecíamos a ação antiviral da nossa tecnologia, existem estudos inclusive que comprovam sua eficácia contra outros vírus como H1N1. Mesmo assim, como o novo coronavírus tem uma durabilidade maior que todos os outros em especial nas superfícies, foi muito importante comprovar essa efetividade com o próprio SARS-CoV-2. Dessa forma, com o uso da tecnologia podemos minimizar a contaminação cruzada – quando alguém assintomático toca uma superfície e, posteriormente, outra pessoa se infecta no mesmo local”, detalha Gustavo Simões, co-fundador e CEO da Nanox®.

Passo a passo do teste

Os testes foram realizados através de amostras do MDF Guararapes com e sem a proteção NanoxClean®. Os produtos foram expostos ao SARS-CoV-2 por meio de uma imersão em tubos que continham grandes quantidades do vírus. Dessa forma, foi avaliada a capacidade do produto tratado de inativar as partículas virais em um intervalo de contato de 10 minutos e 30 minutos.

No período mínimo, a proteção já tinha eficácia de 68,4%. O ensaio ocorreu no ICB-USP, instituto responsável por isolar o SARS-Cov-2 no Brasil, e foi liderado pelo Dr. Lúcio Freitas Júnior, pesquisador da Universidade.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top