You are here
Home > Trabalho/Emprego > 38% dos brasileiros estão desempregados há um ano ou mais

38% dos brasileiros estão desempregados há um ano ou mais

Mas há 324 mil oportunidades de emprego para se candidatar de forma gratuita

Catho, marketplace de tecnologia que conecta empresas e candidatos de forma gratuita, conta com mais de 324 mil vagas disponíveis para atuar em diversos setores e níveis hierárquicos no Brasil todo. Isso, atrelado ao fato da empresa oferecer gratuidade total para quem deseja se candidatar a essas oportunidades ajudará os mais de 38% dos brasileiros que estão desempregados há um ano ou mais a conquistarem um emprego em 2022. Os dados são da última Pesquisa dos Profissionais Brasileiros realizada pela empresa, que contou com a participação de 8.114 pessoas de todo o País.

De acordo com o levantamento, 68% dos respondentes alegaram não estar exercendo nenhuma atividade remunerada. Dentro desse grupo, 38% estão desempregados há um ano ou mais e 16,2% alegam estar sem emprego há mais de dois anos. Dentre eles, quase metade (48,3%) foi demitido da última empresa que trabalhava, enquanto 14,3% pediram demissão.

Outro dado importante revelado pela pesquisa é que, dentre os desempregados, 22,7% alegaram ter recusado uma nova proposta de emprego. Quando questionados sobre o motivo da recusa, os mais apontados foram remuneração insuficiente (44,1%) e localização da empresa muito longe de casa (22,8%).

“Os dados da pesquisa revelam que existem muitas pessoas sem emprego há muito tempo e muitas delas já até recusaram propostas por não serem compatíveis com o que elas desejam, o que mostra que o brasileiro está buscando qualidade de vida também no ambiente de trabalho. Unindo as melhores vagas e tecnologia avançada, a Catho consegue trabalhar nessa compatibilidade, garantindo o melhor fit entre candidato e empresa. Além disso, com a nossa recente mudança no modelo de negócio, esperamos poder ajudar cada vez mais pessoas a conquistarem a vaga que desejam e iniciar 2022 empregadas”, declara Christiana Mello, CGO-H da Catho.

Mais de 324 mil vagas disponíveis 

Desde novembro de 2020, a Catho passou a oferecer gratuidade total para quem desejar se candidatar a vagas de emprego dentro da plataforma. Anteriormente, quem utilizava os serviços da Catho deveria pagar um valor mensal para ter acesso, após um período grátis de 30 dias. Com a isenção, os usuários conseguem buscar e candidatar-se a inúmeras vagas sem burocracia e sem limite de envio de currículos. Além disso, caso o candidato queira destacar seu currículo perante aos demais, pode contratar o Plano Profissional, o que pode aumentar em até 18 vezes as chances do candidato ser chamado para uma entrevista, de acordo com estudos iniciais da plataforma.

Atualmente a Catho conta com mais de 324 mil vagas disponíveis na plataforma para atuar em diversos setores. Para ter acesso, basta se cadastrar de forma gratuita clicando aqui.

Já para ajudar as empresas na busca pelos melhores profissionais, a Catho tem diversas ferramentas, como a publicação de vagas grátis e soluções como o “Recrutamento Perfeito” que através de Inteligência Artificial e vários filtros, permite ao recrutador encontrar o candidato perfeito em alguns cliques, dentre os mais de  8,5 milhões de currículos cadastrados na plataforma. A Catho facilita o processo de seleção, fazendo com que ambos os lados se beneficiem e possam começar 2022 contratando e sendo contratados.

Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe um comentário

Top