You are here
Home > Finanças > Como os lojistas podem obter lucro com os apaixonados de plantão?

Como os lojistas podem obter lucro com os apaixonados de plantão?

Cada vez mais as redes sociais têm se tornado canais de engajamento e de comunicação. Nos dias de hoje, estar online é estar conectado com o mundo, por isso é tão importante que o empreendedor entenda esse processo para atingir o maior número de pessoas e assim realizar mais vendas. Além do mais, esse momento traz ainda mais oportunidades para que os vendedores se dediquem às vendas online e tenham resultados expressivos.

“O Dia dos Namorados é uma data sazonal muito importante para o comércio brasileiro, já que milhões de pessoas aguardam o momento para presentear quem ama, além de ser um ótimo momento para trabalhar com o marketing emocional, por exemplo”, conta Thiago Mazeto, diretor Comercial e Sucesso do Cliente da Tray, unidade de negócio do Grupo Locaweb.
Para quem já investiu no e-commerce, Mazelo dá algumas dicas que podem ajudar nas vendas e auxiliar  os apaixonados a encontrar o presente ideal. Confira:

Preciso me planejar?

Toda loja precisa de um planejamento e na loja virtual não é diferente. É necessário entender o mercado que está inserido, montar cronograma com antecedência, quais são as expectativas e quais os resultados que devem ser atingidos. Ou seja, o planejamento é a base da sua loja e da sua campanha para essa data específica. É legal também saber o que seu público-alvo tem buscado e quais são as tendências para ele nessa data. Dessa forma, você conseguirá atender as expectativas dele e alcançar seus objetivos.

Social Commerce realmente funciona?

Essa é uma novidade no mundo do comércio eletrônico que vem ganhando força cada vez mais. Comércio social, traduzido para o português, é a venda por redes sociais que dá credibilidade e boa reputação para a empresa, além de baratear nas estratégias de marketing. Além disso, esse processo facilita a jornada de compra dos consumidores, que é um importante aliado para o momento. Quem não quer comprar algo para presentear o amado ou amada de forma rápida e satisfatória?

“Mas para que essa venda ocorra, as estratégias de marketing e a vitrine social tem que estar de acordo com o que o lojista vende e com o que o cliente está em busca. Por isso, é importante fazer ações nas redes sociais sobre os Dias dos Namorados, levar seu consumidor até seu Instagram, WhatsApp, Facebook e até seu site de maneira com que ele saiba quais vantagens vai ter se adquirir os produtos e serviços da sua marca”, explica Mazeto.

Comece antes, faça promoções, ofereça brindes e frete grátis, mostre que seu serviço vai fazer a diferença para aquele consumidor.

Pix, Débito, Crédito ou outros?

As formas de pagamento são um momento decisivo para o consumidor, já que ele pode não estar preparado para gastar aquele dinheiro naquela data, por isso é importante oferecer opções que satisfaçam o seu cliente. Maiores parcelamento, por exemplo, pode ser uma forma de garantir que aquele apaixonado escolha pelo seu negócio.

Não esquecer da entrega

Quando compramos um produto, ficamos ansiosos pelo dia da entrega e se não chega no prazo, torna-se um problema, na maioria das vezes. Mas imagina, um apaixonado escolhe seu e-commerce para presentear a amada no dia 12 de junho e o presente chega depois da data, essa situação pode te fazer perder o cliente. Por isso, é necessário se organizar para entregar todas as vendas nas datas combinadas e se não for possível realizar, lembre-se de avisar o consumidor! Assim, ele poderá ter a chance de pensar em uma outra solução.

Aproveite a data, escolha assuntos estratégicos e mexa com os corações apaixonados!
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top