You are here
Home > Finanças > 74% dos brasileiros utilizariam pagamento digital se recebessem benefícios

74% dos brasileiros utilizariam pagamento digital se recebessem benefícios

Em meio à pandemia, o setor de e-commerce alavancou as vendas e cresceu no Brasil cerca de 75% em apenas um ano, segundo estudo realizado pela NZN Intelligence em 2020. Os dados mostram uma forte mudança de comportamento do consumidor, que encontrou mais conforto, comodidade e acesso a programas de desconto exclusivos oferecidos por sites de grandes varejistas.

Dentro destas novas preferências, observou-se também a mudança de afinidade em relação aos meios de pagamento escolhidos. Em pesquisa global publicada pela empresa Blackhawk Network, responsável por oferecer soluções de pagamento por meio de produtos pré-pagos, cerca de 13 mil entrevistados em 9 países afirmaram que preferem consumir produtos de varejistas que oferecem uma maior variedade de métodos de pagamentos digitais.

A pesquisa trouxe ainda pontos muito importantes sobre a relação do público brasileiro, indicando que a relação de fidelidade destes consumidores com a marca é maior quando eles têm acesso a benefícios como cartões-presente, pagamentos via QR Code e carteiras digitais. 74% dos participantes brasileiros afirmaram que utilizariam métodos de pagamentos digitais se recebessem benefícios como brindes ou descontos. 56% deles disseram que se fidelizariam a esses meios se recebessem mais informações e benefícios práticos.

“Os consumidores buscam maneiras mais fáceis de acessar cartões-presente, recompensas e pontos de fidelidade e, como resultado, estão cada vez mais procurando varejistas que adotaram meios de pagamentos digitais e sem contato”, explica Fernanda Carbonari, country manager da Blackhawk Network Brasil. “À medida em que começamos a retomar o ritmo da recuperação econômica, os comerciantes que atenderem às preferências de pagamentos digitais presentes no dia a dia desse novo consumidor estarão à frente”, completa a executiva.

Além disso, 32% dos entrevistados brasileiros afirmaram que, ao receberem um cartão-presente, eles estão inclinados a comprar itens mais caros do que o valor recebido, utilizando o cartão como parte do pagamento.

A mudança de comportamento dos consumidores mostrou que conexão e comodidade fazem parte das novas relações entre o público e as marcas que eles desejam consumir, o que significa que as empresas saem na frente ao oferecer meios digitais que tornem o cotidiano destas pessoas mais instantâneo e prático, oferecendo benefícios que geram cada vez mais fidelização. Mesmo sentindo falta da experiência de compras nas lojas, 73% dos entrevistados afirmaram que formas de pagamento mais rápidas e seguras utilizadas no meio online serão atrativos para suas decisões de compra em lojas físicas.
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top