You are here
Home > Finanças > Cartórios contribuirão no combate à corrupção e à lavagem de dinheiro

Cartórios contribuirão no combate à corrupção e à lavagem de dinheiro

Os notários e registradores brasileiros aguardam apenas regulamentação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para atuar em parceria com o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) no sentido de ajudar na prevenção e combate à lavagem de dinheiro, ao informar transações suspeitas ao setor. Esse será uma das palestras da Conferência Nacional dos Cartórios (Concart 2019), que será realizada no SERHS Natal Grand Hotel, em Natal (RN) entre os dias 6 e 8 de junho. As inscrições para o evento já estão abertas e podem ser feitas pelo site do evento.

Segundo o delegado da Polícia Federal, Edson Garutti, que é um dos palestrantes confirmados na Concart 2019 para falar sobre o tema, os cartórios lidam com informações muito importantes, entre elas as relacionadas as transferências de patrimônio, o que reforça a relevância do segmento nos comunicados suspeitos. “O que precisamos é de normatização da atuação dos cartórios no combate à lavagem de dinheiro para a comunicação de operação suspeita ao Coaf”, destacou.

O delegado lembrou que, na prática, os notários e registradores já realizam diversos procedimentos que contribuem com a fiscalização, no entanto, é necessário a regulamentação do CNJ para que haja maior efetividade. “A Polícia Federal está à disposição para engrandecer essa nova peça da engrenagem, que são os cartórios, e também para capacitações e discussões. Esperamos que os notários e registradores possam contribuir ainda mais nesse processo”, finalizou.

Evento

De acordo com o presidente da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR), Rogério Bacellar, a Concart 2019 contará com a presença de especialistas e autoridades de renome para focar nos temas atuais e relevantes, assim como os avanços na atuação dos notários e registradores.

“As palestras focam na importância dos serviços prestados pelos cartórios para a economia brasileira, como, por exemplo, o combate à lavagem de dinheiro. Sua função social e como ter uma gestão de cartórios com eficiência também estarão em discussão”, explicou. Além disso, os efeitos das decisões dos Tribunais Superiores e a terceirização de serviços auxiliares serão abordados na ocasião.

Palestrantes confirmados

Entre os palestrantes confirmados estão o Corregedor Nacional do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e Ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins. Também estão confirmados os Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux e Alexandre de Moraes; Rogério Medeiros Garcia de Lima, Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG); Jorsenildo Dourado do Nascimento, Juiz Auxiliar da Corregedoria (CNJ); Hércules Benício, Registrador e Tabelião do Distrito Federal; Eduardo Mendonça, Advogado e Professor da Universidade de São Paulo (USP); Maurício Zockun, Advogado e Professor da PUC-SP; Márcio Evangelista, Juiz Auxiliar da Presidência (CNJ); Alexandre Chini, Juiz Auxiliar da Corregedoria (CNJ); Maximiliano Pereira de Carvalho, Juiz Auxiliar do Tribunal Superior do Trabalho (TST); Christiano Cassetari, Registrador Civil da Bahia e Professor.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top