You are here
Home > Finanças > Serasa Experian dá dicas aos consumidores para as compras no Dia das Crianças

Serasa Experian dá dicas aos consumidores para as compras no Dia das Crianças

O Dia das Crianças, no próximo dia 12, deve representar um aumento de vendas em relação ao ano passado. Os clubes lojistas de várias capitais apontam expectativa de aumento variável entre 5% e 10%. A data, uma das principais para o comércio, marca também o início de um ciclo bastante esperado por todo o setor, que seguirá com a Black Friday e Natal, dois outros eventos de muita relevância para o comércio. Em meio a esse ambiente positivo e clima favorável às compras por parte dos consumidores, criminosos tentam de tudo para captar dados e senhas. Por esse motivo, a Serasa Experian alerta os que irão comprar os presentes pela internet para os cuidados que devem ser tomados.

“É preciso tomar muito cuidado para não cair em golpes e transformar um momento especial numa enorme dor de cabeça”, adverte o diretor de Certificação Digital da Serasa Experian, Maurício Balassiano (foto). À medida que a data vai chegando, começam a aparecer as propagandas e promoções, e o consumidor acaba sendo levado pela emoção. Este é, talvez, o ambiente mais propício para os golpes e tentativas de fraude.

A opção do consumidor por lojas virtuais ajuda a evitar o tumulto de lojas físicas e permite comparações entre preços e produtos. Os criminosos atacam através de phishing, com o envio de e-mails ou SMS falsos, e se valem de clones de lojas conhecidas para enganar as pessoas e captar dados pessoais, do cartão de crédito e de senhas, que podem ser usadas num momento seguinte.

Fique atento a alguns cuidados:

  • Desconfie das superofertas: acesse o site que enviou a promoção e veja se ele tem a proteção de um Certificado Digital SSL. Uma boa dica é checar se o browser exibe um ícone de cadeado fechado. Consulte as informações deste cadeado e confirme se o Certificado Digital emitido é válido e está em nome da loja. Essa checagem também pode ser feita pelo Selo de Segurança que fica normalmente no fim da página.
  • Confirme a segurança do link: ao entrar na loja virtual, confira se o endereço digitado inclui a letra S ao lado do HTTP (na exibição, HTTPS). Se tiver, você está em um ambiente seguro e protegido para digitar seus dados.
  • Controle seus impulsos: compras que podem parecer muito vantajosas envolvem sempre algum tipo de fraude. Evite o impulso de comprar com base apenas no preço e esteja atento à segurança desta compra.
  • Faça valer os seus direitos: a Lei do Consumidor também considera para lojas virtuais, por exemplo, o direito de arrependimento em até sete dias, contados da data da compra ou do recebimento do produto. Fique atento à política de troca da loja e ao prazo de entrega, pois a data já está próxima.
  • Calcule o valor total da compra: na internet há lojas com frete grátis e outras que cobram para o envio. Tome cuidado com isso antes de fechar negócio.
  • Atenção nas compras coletivas: escolheu um presente em sites de compra coletiva? Antes de comprar, confira se os descontos anunciados são efetivos e leia todos os detalhes sobre as regras, datas e condições de uso.
  • Atenção para os prazos de entrega: é importante também conferir as condições de entrega, tendo em vista a proximidade da data. É importante redobrar a atenção quanto à possibilidade de entrega do presente até a data. Na dúvida, opte por comprar noutra loja.
Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top