You are here
Home > Negócios > Venda de veículos usados e seminovos aumenta mais de 30%, em junho, no Paraná

Venda de veículos usados e seminovos aumenta mais de 30%, em junho, no Paraná

Os negócios envolvendo a venda de veículos usados e seminovos começam a reagir em todo o Paraná. Em junho, segundo dados que eu obtive junto à Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto) a venda de automóveis, comerciais leves, caminhões e motocicletas aumentou, no Paraná, 32% em relação a maio e cresceu 7,2% na comparação com igual mês do ano passado. Quando se analisa especificamente a venda de automóveis seminovos, o crescimento em junho foi de 30% e o de motocicletas chegou a 42%.

No primeiro semestre do ano, as revendas paranaenses de veículos seminovos e usados amargaram prejuízo de 22% na comparação com os primeiros seis meses de 2019.

Tipo de veículo      Junho/2020       Maio/2020        %
Automóveis             54.783               42.089              30,2
Comercial Leve      12.915                  9.773             32,1
Caminhões                3.985                  3.043              31,0
Motos                          14.710                10.339            42,3
Outros                         1.710                  1.367              25,1
Total Paraná            88.103                 66.611            32,3

Eu conversei nesta quinta-feira (09) com o presidente da Fenauto, o empresário Ilídio dos Santos, e ele me disse que o setor espera uma recuperação no segundo semestre, podendo inclusive fechar o ano com saldo positivo.

Vendas online

Só para se ter uma ideia, no mês de junho, as 700 revendas localizadas nos diversos municípios paranaenses comercializaram 88 mil autoveículos usados e seminovos, dos quais, 55 mil foram automóveis; 13 mil comerciais leves; quase 4 mil caminhões e 14.700 motocicletas.

O presidente da Fenauto me disse que, hoje, 40% das vendas ocorrem online e que este tipo de negociação tende a crescer ainda mais daqui para frente, devido às facilidades oferecidas ao comprador que não precisa sair de casa para comprar o veículo. Inclusive as avaliações são feitas 100% online através do preenchimento de dados e mediante o envio de fotos do veículo.

Perfil do consumidor

Eu perguntei ao presidente da Fenauto sobre qual é o perfil do comprador de veículos usados e seminovos, neste período de pandemia e isolamento social, e ele me explicou que uma boa parte é composta e pessoas que antes utilizam o transporte por aplicativos para trabalhar ou passear, e, hoje, por questões de segurança está preferindo ter o seu próprio carro .

Outro tipo de venda que também está acontecendo nesses últimos meses é a troca por troco. Ou seja, com a situação financeira comprometida, o proprietário de um veículo de maior valor está trocando por outro mais barato para ficar com o dinheiro para pagar dívidas ou complementar a renda da família.

Também contribuiu para o aumento da venda de veículos seminovos e usados, nesses dois últimos meses, a queda dos juros e o acesso ao financiamento dos bancos. O presidente da Fenauto me explicou que hoje, 70% das vendas dos veículos usados são financiadas, 20% à vista e 10% ocorrem através de consórcio.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top