You are here
Home > Trabalho/Emprego > Como desenvolver sua carreira e se preparar para o futuro do trabalho

Como desenvolver sua carreira e se preparar para o futuro do trabalho

Muitos profissionais priorizam, na busca por trabalho, empresas que ofereçam um plano de carreira. E muitos deles se frustram e culpam as organizações porque, na prática, esses planos não funcionam. A questão aqui é: o único responsável por desenvolver sua carreira é você mesmo.

Primeiramente, é importante entender o que você almeja no plano profissional. Você é realmente feliz no que faz? Quais habilidades, competências e comportamentos as pessoas bem-sucedidas e reconhecidas nessa profissão possuem? Você possui essas características? Se não, como pode desenvolvê-las? Em quais atividades e habilidades você precisa investir para chegar lá?

Conhecer a si mesmo – suas forças e fraquezas – é o primeiro passo para desenvolver sua carreira. Se é difícil fazer essa autoavaliação, o mercado disponibiliza diversas ferramentas de suporte, como orientação vocacional, coaching, counseling e mentoring, que poderão ajudá-lo nesse processo.

Assim que você se sentir dono da sua carreira, é hora de falar com seu gestor e entender qual é a sua trilha de desenvolvimento na organização. A trilha de carreira esclarece quais são as competências técnicas, comportamentais, experiências específicas e qualquer outro requisito necessário para cada cargo e níveis disponíveis na empresa.

Cada organização tem sua forma de avaliar méritos. Esclareça o que é esperado de você, peça orientação e conselhos aos profissionais mais experientes e, principalmente, entenda como você e seus valores pessoais podem contribuir com os desafios organizacionais.

Com essa informação, verifique quais programas de desenvolvimento a empresa já oferece com foco em sua visão de carreira e aproveite as oportunidades. É importante esclarecer que, em momentos de crise, é muito comum que as empresas cortem despesas com esses programas, mas isso não pode impedir seu desenvolvimento profissional. Monte o seu plano de ação, estabeleça atividades, deadlines, peça para que seu gestor ou alguém que você admire e em quem tenha confiança avalie o seu desenvolvimento.

As organizações que melhor dão suporte ao desenvolvimento de carreira de seus profissionais são aquelas que esclarecem e são transparentes em relação aos desafios de cada posição, com métricas e indicadores de avaliação de desempenho e potencial, incluindo aspectos comportamentais valorizados pela cultura da empresa.

Quando um colaborador que conhece bem a si mesmo encontra uma empresa transparente em relação às oportunidades de desenvolvimento, o plano de carreira acontece naturalmente, e esse profissional automaticamente estará preparado para se adequar ao futuro do trabalho.

O artigo foi escrito por Fábio Bier, que é gerente de Recursos Humanos da Husqvarna para a América Latina.

Avatar
Mirian Gasparin
Mirian Gasparin, natural de Curitiba, é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e pós-graduada em Finanças Corporativas pela Universidade Federal do Paraná. Profissional com experiência de 44 anos na área de jornalismo, sendo 42 somente na área econômica, com trabalhos pela Rádio Cultura de Curitiba, Jornal Indústria & Comércio e Jornal Gazeta do Povo. Também foi assessora de imprensa das Secretarias de Estado da Fazenda, da Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico e da Comunicação Social. Desde abril de 2006 é colunista de Negócios da Rádio BandNews Curitiba e escreveu para a revista Soluções do Sebrae/PR. Também é professora titular nos cursos de Jornalismo e Ciências Contábeis da Universidade Tuiuti do Paraná. Ministra cursos para empresários e executivos de empresas paranaenses, de São Paulo e Rio de Janeiro sobre Comunicação e Língua Portuguesa e faz palestras sobre Investimentos. Em julho de 2007 veio um novo desafio profissional, com o blog de Economia no Portal Jornale. Em abril de 2013 passou a ter um blog de Economia no portal Jornal e Notícias. E a partir de maio de 2014, quando completou 40 anos de jornalismo, lançou seu blog independente. Nestes 11 anos de blog, mais de 20 mil matérias foram postadas. Ao longo de sua carreira recebeu 18 prêmios, com destaque para Prêmio Fecomércio de Jornalismo (1º lugar Internet em 2017 e 2016);Prêmio Sistema Fiep de Jornalismo (1º lugar Internet – 2014 e 3º lugar Internet – 2015); Melhor Jornalista de Economia do Paraná concedido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (agosto de 2010); Prêmio Associação Comercial do Paraná de Jornalismo de Economia (outubro de 2010), Destaque do Jornalismo Econômico do Paraná -Shopping Novo Batel (março de 2011). Em dezembro de 2009 ganhou o prêmio Destaque em Radiodifusão nos Melhores do Ano do jornal Diário Popular. Demais prêmios: Prêmio Ceag de Jornalismo, Centro de Apoio à Pequena e Média Empresa do Paraná, atual Sebrae (1987), Prêmio Cidade de Curitiba na categoria Jornalismo Econômico da Câmara Municipal de Curitiba (1990), Prêmio Qualidade Paraná, da International, Exporters Services (1991), Prêmio Abril de Jornalismo, Editora Abril (1992), Prêmio destaque de Jornalismo Econômico, Fiat Allis (1993), Prêmio Mercosul e o Paraná, Federação das Indústrias do Estado do Paraná (1995), As mulheres pioneiras no jornalismo do Paraná, Conselho Estadual da Mulher do Paraná (1996), Mulher de Destaque, Câmara Municipal de Curitiba (1999), Reconhecimento profissional, Sindicato dos Engenheiros do Estado do Paraná (2005), Reconhecimento profissional, Rotary Club de Curitiba Gralha Azul (2005). Faz parte da publicação “Jornalistas Brasileiros – Quem é quem no Jornalismo de Economia”, livro organizado por Eduardo Ribeiro e Engel Paschoal que traz os maiores nomes do Jornalismo Econômico brasileiro.
https://www.miriangasparin.com.br

Deixe uma resposta

Top